Dia a dia Posts em destaque

Outubro Rosa é o mês dedicado à prevenção ao câncer de mama e colo de útero


  •   
  •  

Região – Outubro, também conhecido como Outubro Rosa, é o mês dedicado a conscientização e alerta às mulheres e à sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e colo do útero.

Todos os anos, em todo o país, ocorrem campanhas dedicadas a prevenção destas doenças. Em 2017, foram registrados 79 casos de câncer de mama em Araricá, Campo Bom, Nova Hartz e Sapiranga, de acordo com as secretarias de saúde dos municípios. Já de janeiro até o final de setembro deste ano, nas mesmas localidades foram diagnosticados e encaminhados para tratamento cerca de 58 casos.



A conscientização é feita durante todo o ano, mas em outubro ela é reforçada por palestras, workshops, bate-papos e campanhas que falam dos riscos, prevenção e até ensinam como realizar o autoexame.

Há quem pense que o câncer de mama atinge apenas mulheres, mas estão enganados, homens também possuem tecido mamário e podem ser acometidos pela doença, embora com menor frequência. “O câncer de mama é cerca de 100 vezes menos comum entre homens do que entre mulheres. Para os homens, o risco de ter câncer de mama ao longo da vida é cerca de 1 em 1.000”, explica Simone Fontena Pinto, enfermeira em Nova Hartz.

De qualquer maneira, mesmo que a incidência seja menor e os municípios da região não tenham diagnosticado casos em homens nos últimos dois anos, tanto eles quanto, principalmente, as mulheres, devem se prevenir, realizando exames periódicos e autoexames. Ao se constatar nódulos, as unidades de saúde devem ser procuradas imediatamente para investigação. Além disso, ter hábitos saudáveis como prática de exercícios físicos, controle do peso, evitar tabagismo e bebidas alcoólicas também pode ajudar a evitar a doença.

Municípios da região se preparam para Outubro Rosa

Os municípios da região se organizaram para oferecer eventos com a presença de especialistas no assunto, além de informar os locais de realização dos exames. Em Sapiranga, os exames de mamografia são ofertados no Instituto de Diagnóstico e Tratamento (INTRA) e na Sociedade Beneficente Sapiranguense. Além das ecografias mamárias que são disponibilizadas pela própria secretaria da saúde e pelo INTRA. No município as unidades de saúde terão enfeites rosa, ofertarão exames como mamografias, coleta de pré-câncer, testes rápidos, consultas médicas e de enfermagem, atendimento odontológico e coleta de pré-câncer às fabricas locais, que caso tenham interesse, devem contatar a SMS.

Em Araricá os exames são realizados em clínicas especializadas e Estratégia Saúde da Família (ESF).

Em Nova Hartz, para os exames de imagem preventivos do câncer de mama, os pacientes são encaminhados para realizar as ecografias no Intra de Sapiranga, além de oferecer o serviço de ecografia na UBS Central. As mamografias são encaminhadas para o Hospital Sapiranga.

Em Campo Bom, a conscientização ocorre todo o ano nas Unidades de Saúde, mas em outubro estão sendo previstas conscientização de estímulo visual, orientações de sala de espera e palestras nas Unidades de Saúde, além da colocação do laço rosa em frente à Prefeitura, e participação na caminhada com a Liga. Os exames clínicos são realizados nas Unidades de saúde e as mamografias e biópsias no Hospital Lauro Reus.

Secretários de saúde comentam

Araricá

Ari Schrepp, secretário de Saúde

“Esta é uma campanha que visa alertar e orientar, convidamos toda a comunidade para participar das atividades do outubro rosa a partir de amanhã pois a prevenção e a conscientização ainda é o melhor remédio. Não só a mulher, mas também o homem precisa fazer os exames e prevenir”, pontua.

 

 

 

Campo Bom


Suzana Ambros, secretária de Saúde

“Não apenas no Outubro Rosa, mas ao longo do ano, promovemos orientações sobre o câncer de mama. A ideia é podermos detectar precocemente a doença e fomentar a adoção de hábitos saudáveis e exames de rastreamento para o cuidado da saúde das mulheres”, afirma.

 

 

 

 

 

Sapiranga

Janete Salvati Hess, secretária de Saúde

“O movimento ajuda a conscientizar as mulheres acerca da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e também a desmistificação da doença, pois quanto mais falamos, mais sabemos lidar e mais encontramos apoio”, explica.

 

 

 

 

Nova Hartz

Neri Carlos Bueno Chicatto, secretário da Saúde

“Reforço a importância de, todo ano, incentivarmos e valorizarmos a campanha do Outubro Rosa através de ações que venham a fortalecer as recomendações do Ministério da Saúde para o rastreamento e o diagnóstico precoce do câncer de mama e para isso é muito importante falarmos sobre o assunto para que possamos desmistificar conceitos em relação à doença, assim sendo possível que diante de qualquer alteração nas mamas a mulher possa procurar o serviço de saúde mais próximo para o diagnóstico e tratamento precoce”, disse.

Texto: Taylor Abreu

Fotos: Arquivos/JR e PMs

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  • 28
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse