Lutando contra a leucemia, menina de Sapiranga precisa de sangue e plaquetas

Família mobiliza uma grande campanha de doação para ajudar a pequena Sofia, diagnosticada há poucos dias com a doença

0
compartilhamentos
6.6k
visualizações

Sapiranga – Há poucos dias, a família da pequena Sofia Thomasini Mendes, de 5 anos, recebeu o diagnóstico de que ela estava com leucemia. Internada no Hospital Regina, em Novo Hamburgo, em meio ao medo e angústia, mas confiantes e com fé de que Sofia vai conseguir vencer a batalha, os pais  Silvonei Mendes e Michele Thomasini Mendes pedem também a ajuda da comunidade.

Sofia precisa de doação de sangue e plaquetas. O seu tipo sanguíneo é O+. Os doadores podem ter o sangue dos tipos O+ e O-. Segundo o pai, as plaquetas A e AB, podem ser tanto positivas quanto negativas. No entanto, as doações podem ser feitas de todos os tipos de sangue. “Os que não forem compatíveis com a nossa Sofia, com certeza, ajudarão outros pacientes e o banco de sangue do hospital. Estamos confiantes e com fé que tudo vai dar certo e somos muito gratos a todos que já ajudaram e a quem ainda vai se unir nessa luta”, disse ele.

As doações devem ser agendadas junto ao Hemovida do Hospital Regina, pelo telefone: (51) 3035-5388.

A garotinha Sofia é aluna da escola de educação infantil Sesi, no bairro Amaral Ribeiro. “Ela está iniciando a fase de alfabetização”, conta o pai, orgulhoso. Sofia foi internada no último dia 10 e segue na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), do Hospital Regina.

O tratamento está no início, mas já há uma grande comunidade da cidade e região torcendo por sua melhora e plena recuperação.

“Tenho fé, acredito que Deus vai trazer a saúde da pequena Sofia de volta”

Silvonei conta que desde que iniciou a mobilização para conseguir aumentar as doações de sangue e plaquetas, os telefones passaram a ficar congestionados do hemovida do hospital, de tantas pessoas ligando para agendar a doação. “Um verdadeiro presente pra nós. Somos muito gratos. E quando ela crescer, vou contar a ela! E vai ter vídeos de agradecimento! Ela vai ler aqui tudo que estão fazendo pela gente! Sofia segue firme, é guerreira. Ainda é delicado, mas tudo é devagar e precisamos ter calma e confiar em Deus. Tenho fé, acredito que Deus vai trazer a saúde da pequena Sofia de volta”.

 

 

 

x
x