Política

Acesso ao IFSul ficará sem asfalto na inauguração


  •   
  •  

Sapiranga – Para chegar ao moderno prédio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense (IFSul), que atenderá 1.200 estudantes em dois cursos disponíveis e oferecidos de forma gratuita pelo governo federal, uma obra básica de infraestrutura pode não ser construída a tempo da inauguração (que deve ocorrer na segunda semana de agosto).
Desde o início de 2013, a Prefeitura de Sapiranga possui protocolado junto à Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan), órgão do governo do Estado, um projeto para asfaltar a avenida Carlos Gilberto Weis, no bairro Oeste – e que passará em frente do IFSul. Entretanto, a proposta encaminhada pela Secretaria de Planejamento de Sapiranga chegou depois que o Governo do Estado fechou o orçamento de 2014. Assim, conforme explicação do diretor da Metroplan, Rodrigo Schmitzer, sem recursos reservados no orçamento de 2014, a Metroplan não tem como executar a obra de asfaltamento.
O superintendente da Metroplan, Oscar Escher, afirma que o projeto para asfaltar a Av. Carlos Gilberto Weis tem pendências técnicas (mas o secretário de Planejamento de Sapiranga, Edison Conceição, garante não ter recebido qualquer tipo de alteração). “Esta é uma demanda importante da Região Metropolitana, com grande repercussão e um dos programas de interesse do governador, Tarso Genro. Com certeza vamos viabilizar esta obra”, garante Oscar Escher. 
No momento, o acesso ao IFSul possui uma entrada improvisada, construída pela Prefeitura de Sapiranga. Para ingressar no IFSul os condutores precisam se dirigir até o retorno 30 (junto ao totem das rosas) e voltar em direção à Sapiranga, acessando o retorno número 31. Desta forma, os motoristas não cometerão infrações de trânsito no perímetro.
EGR fará obra paliativa
Para diminuir o risco de acidentes no quilômetro 25 da RS-239 (local de acesso ao IFSul), a Empresa Gaúcha de Rodovias – EGR), através da chefe de gabinete, Eunice Rossi, garantiu que a estatal possui um acordo com a Prefeitura de Sapiranga para construir um acesso provisório (da RS-239 para a Av. Carlos Gilberto Weis), até o fim de julho (ou seja, na próxima semana). “A necessidade da Prefeitura é de nosso conhecimento e vamos executar a obra”, garantiu a assessora direta da presidência da EGR.
Porém, não existe uma data certa de quando a empresa terceirizada da EGR fará a obra paliativa na pista lateral da RS-239.
Acessos ao IFSul ocorrerão de duas formas diferentes
O acesso principal ao IFSul ocorrerá através da RS-239, junto ao KM-25 (imagem ao lado). Porém, sem a construção de um trecho de 30 metros da rua São Francisco, sob a responsabilidade da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), a chegada ao câmpus Sapiranga do IFSul ficará comprometida. A EGR revelou que pretende fazer a melhoria, mas não anuncia a data que ocorrerá.
Processo seletivo
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense (IFSul), Câmpus Sapiranga, abriu processo seletivo para preenchimento de vagas. O curso técnico em Manutenção e Suporte em Informática possui 14 vagas em aberto e o de Técnico em Eletroeletrônica possui cinco vagas. 
A coordenação dos cursos técnicos do IFSul explica que o processo será realizado, via sorteio, sem prova de seleção e de caráter excepcional. Poderão se inscrever estudantes que concluíram o Ensino Médio. As aulas ocorrerão à noite.
Quem possui interesse em se inscrever nos cursos deve ir até a escola La Salle (Américo Vespúcio, 95, bairro Santa Fé), até a sexta-feira (25), para efetuar a inscrição. O setor onde devem ser feita as inscrições funciona das 9 horas ao meio-dia e das 13h30 às 20 horas.
Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse