Polícia Posts em destaque

Caso Júlio: Justiça manda soltar um dos três homens presos por morte de jovem


  •   
  •  

Sapiranga – Um dos três homens presos por envolvimento no sequestro e morte do jovem Júlio César da Silva, de 28 anos, que ocorreu em novembro do ano passado, foi absolvido pelo Tribunal de Justiça nesta quarta-feira (5). A Justiça mandou soltar o empresário Eloir Sartori Quiestes, o Bichinho, que estava na Penitenciária Estadual do Jacuí (PEJ), em Charqueadas, desde janeiro deste ano.

A decisão diz respeito apenas a Quiestes, os outros dois acusados, André Norberto Reinheimer, o Bebidinha, e Régis Adriano da Luz, ainda estão presos, também na PEJ – conforme noticiado pelo Jornal Repercussão em dezembro de 2016 e janeiro deste ano. Os dois aguardam julgamento. No início de março, o advogado de Quiestes entrou com pedido de habeas corpus e trancamento do processo para o cliente.



Relembre o caso


Júlio César da Silva foi levado do escritório em que trabalhava na tarde de 21 de novembro. O corpo dele foi encontrado no dia 27 de novembro por um morador no Loteamento Altos da Floresta, em Estância Velha, perto de um matagal. O forte odor chamou a atenção de um homem, que encontrou o corpo já em avançado estado de decomposição. A suspeita é de que ele foi morto em outro local e deixado no município estanciense.

O caso deixou grande parte da população sapiranguense em luto no final de 2016.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse