Dia a dia Posts em destaque

Melhorias aplicadas na Apae de Sapiranga graças ao convênio assinado entre entidade e Banco do Brasil


  •   
  •  

Sapiranga – Em junho deste ano foi oficializado o convênio entre a Associação de Pais e Amigos dos Excepecionais (Apae) Sapiranga e a Fundação Banco do Brasil, através do programa Trabalho e Cidadania. O projeto disponibilizou R$56.122,71 para a entidade.

Com o valor, a Apae passou a oferecer maior conforto em dias de chuva, com a instalação de um toldo (estrutura metálica com cobertura em policarbonato) para o embarque e desembarque dos alunos das topics. Um outro toldo foi instalado no local das aulas de artes marciais e educação física, que também contou com um aumento da área, espaço que agora pode ser utilizado por turmas maiores para o desenvolvimento das atividades.



O recurso ainda proporcionou a compra de três computadores, materiais diversos para Educação Física e artes marciais, como bola de futsal, kit ping pong completo, berimbau, caixa de percussão, surdo bumbo, tatames, saco de pancada, tapetes, três cadeiras de rodas e outros diversos jogos pedagógicos, como quebra-cabeças, resta um, pequeno engenheiro e outros.

O relatório final para a Fundação será entregue dia 15, refletindo a prestação de contas do material comprado com o valor. Graças a vários projetos como esse, a entidade vem conseguindo equipar a estrutura e melhorar o atendimento.Porém, os valores viabilizados por projetos não podem ser utilizados para pagamento de salários. Assim, planejamento e apoio da administração pública e comunidade são essenciais para a manutenção do trabalho.

Equipe engajada e administração comprometida

Após anos de contas bloqueadas, o presidente, Carlos Wingert, juntamente com a equipe, comemora a situação positiva em que a Apae terminará 2018. “Ao longo desses anos este foi o primeiro que chegamos com fôlego no fim do ano para pagar 13º, férias”, destaca Wingert. Ele salienta que o trabalho é de todos. “As coisas estão fluindo e a comunidade vem se comprometendo. Estamos sentindo isso e é muito legal”, destaca. A situação positiva é reflexo de uma mudança de visão. “Adotamos uma visão de negócio. Tem que ter receita, tem despesa, então vamos acompanhando e investindo da maneira mais responsável possível. Nossa função como diretoria é dar condições para trabalharem aqui dentro e agora a gente cobra efetividade. Ainda, pessoal e professores não engajados, foram convidados a sair”, pontua o presidente.

 


Meta da campanha mil abraços

Uma das metas é engajar ainda mais a comunidade na campanha Mil Abraços, que gera recursos fixos mensais que serão aplicados em ampliações. “Ano que vem queremos ampliar, fazer mais duas salas para mais atendimentos, como a psiquiatria e incluir especialidades”, explica Wingert. A ideia da campanha é chegar a mil doações mensais, de R$10,00 cada, totalizando R$10mil, revertidos à clínica. Para doar, é simples, basta acessar, via internet ou direto no caixa eletrônico e agendar transferências mensais para a entidade, que possui contas nos bancos do Brasil, Caixa, Banrisul e Bradesco. As contas podem ser informadas através do telefone 3599-2647.

 

 

Texto e fotos: Sabrina Strack

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  • 100
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse