Política Posts em destaque

Vereadores de Araricá desejam que recurso poupado vá para a saúde


  •   
  •  

Araricá – Com o ano de 2017 chegando ao fim, a Câmara de Vereadores começa a avaliar o trabalho desenvolvido neste período. Além da implementação do sistema de transmissão ao vivo das sessões semanais, outro aspecto positivo destacado pelo presidente, Oseas Garcia (PSDB), foi o entendimento adquirido por todos os nove vereadores da necessidade em economizar ao máximo os recursos públicos. E o principal êxito obtido através da compreensão coletiva foi que de janeiro até hoje – ou seja, mais de 11 meses – a Câmara de Vereadores de Araricá não gastou um real sequer em diárias.

Contente com esse feito, o presidente da Casa, Oseas explicou para o Repercussão onde todos os nove vereadores querem ver que o dinheiro economizado durante todo esse período seja aplicado: na viabilização de uma van e de um automóvel para a Secretaria de Saúde.



Indicações apresentada

E para que esses recursos – que ao fim de 2017 devem ultrapassar os R$ 250.000,00 mil – sejam usados pela Prefeitura para a compra dos veículos, os vereadores de Araricá, conjuntamente, assinaram indicações direcionadas à Prefeitura e ao prefeito, Flávio Foss.


A primeira indicação, sugere a compra de um automóvel. E nesta semana, o Legislativo apresentou a segunda indicação: a que orienta o prefeito a comprar uma van para transportar os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) para os atendimentos em Porto Alegre e região. “Tivemos a oportunidade de moralizar a Casa. Conseguimos isso com uma atitude radical e extrema de não solicitar diárias”, analisou o presidente da Câmara, Oseas Garcia (PSDB).

Presidente avalia o seu comando

“Os vereadores foram parceiros e entenderam a proposta de não solicitar diárias, e abraçaram comigo. Encerramos 2017, sem gastar nenhum centavo em diária, sem inscrições em cursos ou ressarcimentos. Isso é inédito e só foi possível, graças a parceria de todos que ajudaram”, analisa Oseas. “Ao fim do ano, a economia ultrapassará R$ 250.000,00 mil e gostaríamos que o prefeito comprasse uma van e um automóvel para a saúde. Oseas confessou que pretendia ter implantado a informatização da Câmara para dar ainda mais transparência, mas que não houve tempo hábil para tal medida.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse