Polícia Posts em destaque

Agência volta a ser atacada em Araricá



  •   
  •  

De novo | Caixa eletrônico na avenida principal não ficou 24 horas em funcionamento

Araricá – Em meio à crise financeira estadual que afeta diretamente a segurança pública e a Brigada Militar, um caixa eletrônico de um banco foi novamente alvo de uma quadrilha. Pouco menos de 24 horas após voltar a ser reativado na segunda-feira (31), o terminal sofreu uma tentativa de furto na madrugada da terça-feira (1º). Conforme a Brigada Militar, os bandidos fugiram com uma quantia em dinheiro não revelada. Por outro lado, a gerência do banco informou à reportagem que os bandidos não obtiveram êxito no furto.

O caixa eletrônico, que fica na Avenida José Antônio de Oliveira Neto, esquina com a Rua Leopoldo Krupp, no Centro, sofreu uma tentativa de furto no dia 5 de julho. O terminal ficou mais de 60 dias desativado. Para acessar o caixa eletrônico, os bandidos arrombaram apenas uma porta interna, uma vez que a porta principal fica aberta 24 horas. Para não deixar pistas, os bandidos usaram um extintor de incêndio para encobrir impressões digitais que pudessem levar à identificação dos autores. A Polícia Civil investiga o caso.


Agência sem câmeras de monitoramento

Usuários que entram no local percebem que não existem câmeras na agência atacada em Araricá. “A falta de estrutura de segurança nas agências do interior é comum. São locais descaracterizados como agência. Entendemos que se há caixa eletrônico é necessário todo o aparato de segurança”, destaca o diretor da Federação Gaúcha dos Bancários, Lúcio Paz.

Criação de SItes Sapiranga

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse