Geral Posts em destaque

Região busca diminuir acidentes de trânsito e Sapiranga comemora resultados



  •   
  •  

Região – Desde 2011, quando em 11 de maio a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, que o mês de maio se tornou referência mundial de conscientização da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. Assim, o Movimento Maio Amarelo surgiu para colocar o tema em pauta e estimular a participação da população, empresas, governos e entidades. A cor amarela foi escolhida porque simboliza atenção e também a sinalização e advertência no trânsito.

Assim, com o intuito de comparar estatísticas e avaliar a situação nos municípios de sua cobertura, o Jornal Repercussão buscou junto aos Municípios, Detran e Comando Rodoviário os números relativos a acidentes de trânsito, com e sem vítimas fatais, ocorridos na RS-239 e nas vias municipais.

O levantamento disponibilizado pelo Detran considera acidentes com vítimas fatais ocorridos em rodovias estaduais, federais e municipais. Conforme esses dados, o número referente aos cinco primeiros meses do ano, nas quatro cidades de cobertura do Repercussão – Campo Bom, Sapiranga, Araricá e Nova Hartz – vem reduzindo desde 2016 (tabela abaixo). Em 2016, foram 11 mortes em acidentes de janeiro a maio. No ano passado, o número caiu para quatro no mesmo período. Este ano, até março, foram três pessoas que perderam a vida em acidentes de trânsito. Em 2017, de janeiro a dezembro, foram 18 mortes, sendo 13 em Sapiranga, três em Campo Bom e duas em Araricá. Um número menor em relação ao registrado em 2016, que fechou com 21 mortes.

Os dados da Polícia Rodoviária Estadual trazem os registros de acidentes ocorridos na RS-239, do quilômetro 18 ao 38 (de Campo Bom a Araricá). Desde 2016 até 14 de maio deste ano foram 393 acidentes, o que resultou em 337 pessoas feridas e 24 vítimas fatais. Neste ano, até maio, foram 49 acidentes, 42 feridos e três mortes.

Dados e campanhas municipais

Mortes em acidentes (Fonte: Detran/RS)
                                  2016             2017             2018 (até março)
Araricá                          1                     2                      0
Campo Bom                3                     3                       3
Nova Hartz                  1                     0                       0
Sapiranga                  16                    13                       0

Acidentes na RS-239 (Fonte: Polícia Rodoviária)
                                  2016              2017              2018 (até 14/05)
Total de acidentes     212                  132                   49
Feridos                        147                   148                   42
Mortos                          10                      11                      3

Sapiranga é o Município da Região que comemora uma redução considerável, de 70%, no número de acidentes em 2018, na comparação com 2017.Conforme a Guarda de Trânsito da Prefeitura, de janeiro a maio do ano passado, a cidade registrou 379 acidentes. Neste mesmo período em 2018, o número caiu para 127. O dado, de acordo com a Administração, comprova a efetividade da Campanha Maio Amarelo. O trabalho de conscientização relativo ao mês de maio iniciou na última semana com orientações para a população sobre os perigos do trânsito e entrega de panfletos educativos. O trabalho é realizado pela Guarda Municipal em conjunto com a Guarda Mirim.

Em Campo Bom, a programação do Maio Amarelo conta com ações desenvolvidas nas escolas pelo Departamento de Trânsito, em parceria com a Secretaria de Educação e Cultura, visando a conscientização para a mudança de comportamento no trânsito.

Números nos Municípios

1.502
acidentes em Sapiranga, de 2016 a 14 de maio de 2018


127
acidentes em Sapiranga em 2018

960
acidentes nos últimos 24 meses em Campo Bom

149
acidentes em Campo Bom em 2018

36
acidentes registrados em Nova Hartz desde o ínicio deste ano

2
acidentes em Araricá registrados em 2018

24
mortes em acidentes na RS-239, de 2016 a 14/05/2018

393
acidentes desde 2016 na RS-239

337
pessoas feridas em acidentes registrados na RS-239 desde 2016

Fonte: Prefeituras, Detran e PRE

Texto e fotografia: Sabrina Strack

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse