Geral Posts em destaque

Parque do Imigrante terá Pista de Caminhada dentro da mata


  •   
  •  

Ação | Projeto será realizado com verbas de uma compensação ambiental. Problemas do lago também devem ser resolvidos

O Parque do Imigrante, ou simplesmente, o “Parcão” de Sapiranga, é um popular local de lazer da comunidade sapiranguense e também, por que não, da população da região. Além de ser palco para shows e eventos – como a tradicional Festa das Rosas e o recente Domingo no Parque, que trouxe muitas famílias ao espaço de lazer -, o Parque do Imigrante também é muito procurado por quem busca um local ideal para praticar esportes, seja caminhada, corrida ou até utilizar os equipamentos da academia ao ar livre que está disponível no Parque. Em breve, os usuários do Parcão terão mais uma opção de trajeto para caminhadas – desta vez, em meio à natureza.



“O Parque do Imigrante tem uma pista de caminhada que fica dentro do mato, são 1.492 metros de pista de caminhada lá dentro. É uma pista não pavimentada, o local não tem indicações”, explica Alex Trombini, responsável pelo Departamento de Meio Ambiente do município.

A ação será realizada com recursos do Meio Ambiente. A intenção do Departamento é revitalizar todo o interior da mata naquela área. “Vamos construir novas churrasqueiras, colocar novas mesas e pavimentar a pista”, explica Trombini. O projeto para os trabalhos já está pronto e o recurso já está garantido. “Há um tempo, uma empresa de São Paulo estava realizando obras em um loteamento no bairro Oeste e no fim, abandonaram a obra. Nós trancamos o empreendimento e o Ministério Público interveio. Essa questão não estava andando e, no final do ano passado, representantes da empresa vieram aqui e encontramos uma forma de resolver a questão. Como as intervenções causaram danos ambientais, precisava de um reparo à altura. Assim, chegamos a um acordo, da empresa pagar por essa obra, em reunião com a Promotoria, no dia 23 de maio”, contextualiza Trombini.

Assim, todo o trecho da pista não pavimentada receberá obras com recursos desse acerto – o projeto, que é financiado com R$ 155 mil provenientes da compensação ambiental, já estava pronto desde o ano passado. “Eu fiz esse projeto no ano passado e estava esperando entrarem recursos para bancar isso. Pra nós está tudo certo, devemos iniciar o projeto assim que a Promotoria nos der o ok”, projeta Alex Trombini.


Projeto também prevê desvio para esgoto no lago

Em fevereiro deste ano, a reportagem do Jornal Repercussão tratou sobre um antigo problema do Parque do Imigrante: um esgoto doméstico que acaba despejado irregularmente no lago do Parque. Na época, o secretário de Planejamento, Carlos Maurício Regla, explicou que o esgoto vem do Loteamento Mundo Novo, um loteamento que está irregular no município há cerca de 15 anos. Como o loteamento não tem tratamento de esgoto coletivo, esse esgoto acaba chegando ao Parque através de um córrego próximo de sua estrutura – que fica no bairro Oeste.

O novo projeto do Meio Ambiente deve trazer uma solução, se não total, parcial para o problema. “Vamos criar uma estrutura que vai desviar esse esgoto, ele vai ficar desviado do lago. Vamos construir uma barragem, pra manter o nível da água. Claro que quando chove muito, como nos últimos tempos, pode transbordar, mas outra entrada de água vai ajudar a diluir a entrada desses resíduos”, explica Alex Trombini.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse