Geral Posts em destaque

Municípios buscam solução para os tratamentos oncológicos


  •   
  •  

Região – O prefeito de Campo Bom, Luciano Orsi, e a secretária de Saúde do Município Suzana Ambros Pereira participaram, nesta quarta-feira, 28, juntamente com representantes dos municípios de Dois Irmãos, Ivoti e Novo Hamburgo, e os deputados da região Renato Molling, (federal) e Fixinha (estadual), de uma audiência em Brasília para cobrar uma solução do Governo Federal relativa ao problema da fila de espera de pacientes da região para iniciar o tratamento de oncologia.

A mobilização ocorre depois que, em reunião no dia 26/02, o Governo do Estado acenou não possuir recursos para socorrer a região e ampliar o teto de atendimento oncológico nas cidades, que acontecem no Hospital Regina, de Novo Hamburgo. Os pacientes, muitas vezes, esperam por mais de 60 dias para serem atendidos, prazo limite determinado pelo Sistema Único de Saúde.



A estimativa é que seria necessário um acréscimo de recursos na ordem de R$600 mil mensais para zerar a fila de mais de 300 pessoas que esperam pelo início do tratamento. O valor representa praticamente o dobro dos R$700 mil atuais, que o Regina recebe todo mês.

Orsi pede solução urgente

Luciano Orsi ressalta que ele e prefeitos da região já realizaram várias reuniões junto ao Governo do Estado para tratar do assunto. “Nós temos nos empenhado para garantir o atendimento. Na reunião com o ministro apresentamos dados da realidade dos pacientes que enfrentam a morosidade na liberação de consultas. Não temos como arcar com estes custos e precisamos de uma solução urgente, pois quem tem câncer precisa ser atendido com celeridade pois isso é essencial para o tratamento da doença”, pontua Orsi.


Ministro cogita aumento do teto

Após os pedidos de solução por parte dos gestores da região, em reunião desta quarta-feira, 28, em Brasília, o ministro Ricardo Barros disse que se situação for mesmo como a relatada, autorizará o aumento do repasse de verbas para tratamento contra o câncer no Vale.

Barros solicitou que a área técnica do ministério avalie a situação da fila de espera para atendimento oncológico, mais de 300 pessoas. “A Secretaria da Saúde do Estado precisa avaliar esse pleito”, ressaltou o ministro.

Para sexta-feira já está agendada uma nova reunião em Porto Alegre, com essa finalidade. Será na Secretaria Estadual da Saúde envolvendo secretários municipais da Saúde de Novo Hamburgo, Campo Bom, Estância Velha, Ivoti e Dois Irmãos, juntamente com o setor de oncologia do Hospital Regina.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse