Geral

Já ouviu falar em medicamentos homeopáticos?


  •   
  •  

Por Dagoberto Lucas Cezimbra Júnior – Farmacêutico responsável pela Substância Certa

A homeopatia é um tipo de terapia de tratamento que utiliza as mesmas substâncias que provocam os sintomas para tratar ou aliviar vários tipos de doenças, desde asma até depressão, por exemplo, seguindo o princípio geral de que “semelhante cura semelhante”.



Normalmente, as substâncias utilizadas na homeopatia são diluídas em água até que sobre pouca quantidade dessa substância na mistura final, produzindo-se assim um remédio homeopático que poderá ser capaz de aliviar os sintomas em vez de os piorar.

Os tratamentos devem ser sempre indicados por um homeopata, pois precisam ser adaptados às condições físicas e emocionais de cada paciente, e nunca devem substituir o tratamento clínico sem que haja conhecimento prévio do médico que o prescreveu.

O grande diferencial da Homeopatia é proporcionar ao paciente o equilíbrio do organismo (mente e corpo) para uma vida mais harmoniosa e feliz. Este é o objetivo do medicamento homeopático: reestabelecer o equilíbrio vital do paciente, minimizando as doenças e elevando o processo da cura energética refletindo gradativamente no restabelecimento físico do paciente!


A Organização Mundial da Saúde libera a utilização da homeopatia para quase todas as doenças, mas desaprova seu uso para doenças graves, como diarreia infantil, malária, tuberculose, câncer e Aids, por exemplo, devendo-se nestes casos utilizar preferencialmente o tratamento clínico indicado pelo médico.

Estes remédios homeopáticos devem ser sempre utilizados para completar o tratamento clínico e, por isso, não devem substituir os remédios prescritos pelo médico, também conhecidos como remédios alopáticos.

Se você quer saber mais sobre a eficácia dos tratamentos homeopáticos, fale com o seu médico ou venha até a farmácia de manipulação Substância Certa, que nós explicamos para você.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse