Geral

Economia rende verba para reforma de delegacia


  •   
  •  

Campo Bom – Goteiras na parte interna da Delegacia de Polícia e problemas na instalação elétrica do prédio, que causaram a queima de equipamentos como computadores, estão com os dias contados.
Através de uma articulação entre o Conselho Comunitário Pró-Segurança Pública de Campo Bom (Consepro), representado pelo seu presidente, Pedro Rogério Martins Duarte, e o ex-presidente da Câmara de Vereadores, Max de Souza (PMDB), o prédio da delegacia passará por uma reforma. A verba será disponibilizada através do Fundo Municipal de Segurança Pública, instância criada em 2006, pelo ex-prefeito, Giovani Feltes.
Para realizar o trabalho foram necessárias várias reuniões entre as lideranças, culminando em 2013, com a reserva de R$ 75 mil que não foram gastos pela Câmara de Vereadores para as adequações necessárias na casa que abriga a Polícia Civil.
O presidente do Consepro de Campo Bom, Pedro Rogério Martins Duarte, destaca que as melhorias são fundamentais para que a Polícia Civil continue desenvolvendo o seu trabalho. “O telhado também possui problemas e a rede elétrica não comporta mais a exigência do dia a dia”, explica.
Ainda não há uma data de quando a reforma começará. Segundo o presidente Pedro Martins Duarte, o Consepro aguarda a Prefeitura comunicar a entidade sobre a disponibilização dos recursos para dar prosseguimento à contratação da empresa que será a responsável pela reforma. “Isto ainda vai demorar alguns dias, mas lançaremos o edital em breve para iniciar os trabalhos de reforma”, destaca o presidente.
Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse