Geral Posts em destaque

DAER abre licitação para lombadas eletrônicas e RS 239 e 464 não são contempladas


  •   
  •  

Região – Quem utiliza a Rodovia RS 239 para se deslocar compreende a necessidade de controladores de velocidade na via, principalmente para diminuição dos acidentes envolvendo pedestres. Mas, não somente essa rodovia aguarda os controladores, a RS 464 que liga Nova Hartz a RS 239, também é marcada por acidentes.

Na última quinta-feira (14), o DAER-RS (Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem) anunciou que iniciaria um novo processo de licitação para instalação de medidores fixos de velocidade (lombadas) e câmeras de monitoramento em rodovias estaduais. Um investimento estimado em R$ 4,77 milhões.



Esse trabalho de instalação acontecerá em diversos locais do estado. Entre as rodovias selecionadas estão: a RS 030 em Glorinha e Osório, RS 115 em Igrejinha e Três Coroas, RS 235 em Gramado e Nova Petrópolis, RS 389 em Torres, RS 452 em Feliz e Vale Real, RS 486 em Itati e RS 873 em Morro Reuter.

Já as câmera de monitoramento estão previstas nas RS 030 em Glorinha, RS 115 em Igrejinha, RS 235 em Gramado e Nova Petrópolis e na RS 486 em Itati. Entretanto a RS 239 e 464 não foram contempladas na licitação.

População aguarda a instalação de passarelas na rodovia

Além dos controladores de velocidade, outro pedido antigo da população é a instalação de passarelas, principalmente da RS 239 no trecho de Sapiranga, que por cortar a cidade ao meio muitas pessoas tem que atravessar a via diariamente, e por isso, tem-se registrados muitos acidentes. Nos 123 quilômetros de extensão da via existe somente uma passarela localizada na cidade de Parobé.

Sem definição de datas


No final de agosto deste ano, foi anunciado a implantação de duas novas passarelas na RS 239, ambas localizadas em Sapiranga. Coforme informações divulgadas pelo Jornal Repercussão, por enquanto não há previsão de instalação das mesmas. A única definição é a dos locais em que elas ficarão, que é no KM 26 (entre os bairros Vila Irma e Oeste) e no KM 28 (em frente da Calçados Beira Rio).

DAER esclarece processo de licitação

Através de contato com a assessoria do DAER-RS, foi esclarecido que a licitação compreende somente vias que tem medidores fixos de velocidade (lombadas) já instalados, mas que no momento não estão em funcionamento. Por isso, ambas as rodovias não entraram na licitação, uma vez que a RS 239 está com seus controladores de velocidade funcionando e o contrato ainda está em vigor. Já a RS 464 aguarda a instalação de controladores de velocidade fixos.

Questionados sobre a previsão de implementação de novos radares nas duas vias, o Departamento explicou que a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) realiza estudos no local, e que após a conclusão irá repassar os dados para o DAER, que decide pela implementação ou não de novos controlares.

No momento, essas análises estão em andamento, mas não há previsão de quando serão instalados novos contolares nas duas vias. Entre os principais critérios para a instalação dos equipamentos, conforme resolução 396/2011 do Contran, estão: excesso de velocidade medido em estudo por radar móvel e acidentalidade.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse