Esporte Posts em destaque

Projeto de judô e jiu-jitsu colhe frutos em competições estaduais


  •   
  •  

Sapiranga- Iniciado há nove meses o Projeto Social Equipe A busca estimular o gosto por artes marciais. Durantes as aulas alunos aprendem judô e jiu-jitsu.

Quando o projeto iniciou os alunos tinham aulas em um espaço cedido por uma entidade religiosa, após três meses, o idealizador do programa, Jonas Mateus Kelsch, buscou um lugar mais reservado. Através de uma parceria instalou uma academia onde junto é realizado o projeto social. Jonas pratica artes marciais a mais de 6 anos e decidiu unir o seu gosto pelo esporte e a vontade de ajudar crianças, agregando mais conhecimento e momentos de lazer para elas.



Todos os sábados das 8 às 10 horas, crianças de 7 a 16 anos tem aulas de artes marciais, na Rua Presidente Kennedy, 2465. Das 8 às 9 horas a aula é de judô e das 9 às 10 horas é a vez do jiu-jitsu. As aulas são ministradas pelos professores: Jonas Mateus Kelsch, Fabiano Lima, Gustavo Schuk, Nelson Pereira dos Reis e Solange Matusalém.

Com a visibilidade do projeto, o hoje líder da equipe e faixa preta, Marcio Mendonça, abraçou a causa e passou a dar aval para o funcionamento das aulas. Contudo, a continuidade ainda depende, muitas vezes, de doações. Quem quiser ajudar pode entrar em contato pelo fone (51) 996-882-379, com Jonas. Na própria academia há uma caixa para quem quiser doar materiais necessários, como quimonos. Jonas salientou que semanalmente pessoas deixam doações. “Hoje, muitos alunos vêm e deixam quimonos em uma caixa de papelão que temos na academia. Quimonos que ficam pequenos. Mas todas as doações serão bem vindas, pois devido ao tamanho de algumas crianças precisamos de quimonos menores, o que hoje é a nossa maior dificuldade”, salientou o professor.

Equipe se destaca no estado


No domingo (11), a equipe participou da 1ª etapa do Campeonato Gaúcho de jiu-jitsu, em Bento Gonçalves. Para esta etapa, o projeto social levou sete criança, que retornaram alegres, pois todos voltaram com medalhas. “Para nós foi uma surpresa, superou as nossa expectativas”, ressaltou Jonas.

Entre os alunos que conquistaram o primeiro lugar estão: Tauane Estefane Nino, Gabriella Caroline de Souza, Caroliny Bazzan, Lucas Eduardo da Silva e Bruno Cauan Rosa dos Santos. Vitória Bazzan levou o segundo lugar e Riquelme Gonçalves trouxe a medalha do terceiro lugar.

A equipe ainda teve mais uma comemoração durante o campeonato. Com a união de esforços e o bom desenvolvimento de todos o Projeto Social Equipe A levou o terceiro lugar como a melhor equipe do campeonato.

Texto: Bruna Bertoldi                     Fotografia: Projeto Social Equipe A

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse