Entretenimento

Municípios envolvem comunidade e talentos locais na área cultural

SENAC Novo Hamburgo

SENAC Novo Hamburgo

  •   
  •  

Região – Uma sociedade próspera e bem estruturada depende de muitos fatores essenciais, como saúde e educação. Educação não se traduz em apenas aprender a escrever ou a calcular problemas matemáticos, mas também em conhecimento cultural de mundo, de outras realidades e possibilidades. Para esse desenvolvimento do cidadão, cada prefeitura conta com uma Secretaria ou Departamento de Cultura, responsáveis por promover diversos tipos de eventos.

Em Nova Hartz, conforme consulta ao Tribunal de Contas, há um total de R$121.628,49 empenhados para a Cultura. Segundo Adriano Ferreira, diretor de Cultura do Município, a intenção é usar o mínimo do valor projetado, devido ao momento econômico difícil. “A gente continua lutando pela cultura com as condições possíveis. Trabalhamos economizando o máximo possível. Usamos os talentos locais e pessoas que se dedicam à cultura para fazer os eventos, para não ter custo para o município”, declara. Em Araricá, há empenhado R$55.800,05. Segundo a secretária, Mara Alexandra de Souza, a pasta desenvolveu um mecanismo de aporte estrutural da Cultura e Turismo paralelos. Em Sapiranga são mais de R$510 mil empenhados para o departamento de cultura. Nas escolas, são desenvolvidas oficinas de dança, música, teatro, e outras. Para a comunidade em geral, ocorrem oficinas e encontros na Biblioteca Municipal e exposições temporárias no Museu. Em Campo Bom, a verba empenhada para a Cultura é de R$690.991,62. A Administração, até o fechamento desta edição, não havia encaminhado mais detalhes sobre a utilização do recurso em eventos culturais do município. Anualmente, entretanto, Campo Bom promove diversos eventos culturais, como o Festival Sertanejo, o Trofeu Tangará, Rodeio e a Feira do Livro.


Guilherme Pilger

Araricá terá no dia 24/06 o 1º Torneio de Canastra de Duplas, no Ginásio Municipal, a partir das 9h.

Criatividade em alta

Conforme Ferreira, o investimento no setor tem sido o mínimo e com criatividade. “A gente tem conseguido trabalhar bastante através da cultura e do esforço de todos. Retomamos ações com grupos de dança e de teatro que já existiam”, explica. O departamento ainda desenvolve um calendário para organizar todos os eventos da cidade em um único cronograma. Sobre custos, Adriano explica que são firmadas parcerias com os próprios artistas locais. Em Araricá, conforme a secretária, a pasta tem usado os eventos turísticos para atrair o público e direcionar aos eventos culturais. “Tenho tido o cuidado de envolver todas as secretarias e instituições do município a fim de disseminar nossos eventos, serviços e peculiaridades”, explica Mara. Em Sapiranga, conforme a Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, o Departamento de Cultura está trabalhando em um Plano, Fundo e Conselho Municipal de Cultura. Uma reunião com produtores culturais está programada para julho, quando será discutida a Minuta da Lei.

Em destaque nos municípios

De 26 a 28 de junho acontece, em Nova Hartz, no Espaço Cultural, o Projeto de Educação Antidrogas, com debates, palestras, apresentações culturais, atividade de música nas escolas e trabalho com Polícia Civil e Brigada Militar, envolvendo a comunidade escolar e o público em geral.

Dia 26 de junho, Nova Hartz terá ainda o Circuito de Teatro Sesc, uma parceria com o Sesc que proporciona espetáculos teatrais para as crianças da rede municipal de ensino.

Texto: Sabrina Strack

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse