Dia a dia Posts em destaque

Recursos chegam e UPA pode abrir em novembro

SENAC Novo Hamburgo

SENAC Novo Hamburgo

  •   
  •  

Planejamento | Prefeitura projeta a compra dos equipamentos para colocar a UPA 24 horas em funcionamento

Sapiranga – A Secretaria de Saúde espera abrir a Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas (UPA 24 horas) em meados de novembro. Isso porque a Prefeitura obteve a liberação de R$ 582.440,00 prometidos pelo Governo Federal e que servirão para comprar parte dos equipamentos da UPA 24 horas. Até o final desta semana, o edital do processo licitatório para a aquisição dos equipamentos será publicado. Uma força-tarefa junto aos fornecedores interessados na venda dos itens necessários para equipar a UPA foi montada pela Secretaria de Saúde. Tudo para que o processo ocorra normalmente e sem adiamentos.

Guilherme Pilger


Conforme o secretário de Saúde, Emerson Leite, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, garantiu em maio a liberação de R$ 600 mil para compra dos equipamentos. “Porém, conseguimos cadastrar uma lista de equipamentos que juntos, somaram os R$ 582.440,00 aprovados nesta semana pela Câmara de Vereadores. Não enviamos antes o projeto para a Câmara porque não sabíamos se a União enviaria o dinheiro, quando enviariam e nem quanto em recursos seria liberado”, explica o secretário.

Mesmo com a liberação dos R$ 582.440,00 pelo Governo Federal, ainda faltam R$ 160 mil para completar a compra total dos equipamentos. “Fiz um pedido à prefeita, Corinha Molling, para que complemente este valor com recursos próprios. Teremos nos próximos dias uma resposta para este pleito, que com certeza será atendido pela prefeita”, assegura Emerson.

P.A. 24h será desativado

Quando a UPA 24 horas entrar em funcionamento em meados de novembro, a Secretaria de Saúde vai desativar o Pronto Atendimento 24 horas, que funciona ao lado do Hospital. “Estamos projetando o fechamento do P.A. Serão cerca de dois dias de transição entre o antigo P.A e a UPA. Solicitaremos o apoio do Hospital Sapiranga neste período de transição”.

A secretaria de Saúde comenta que a mudança de endereço (o fechamento do P.A e a abertura da UPA 24 horas) mudará a realidade e a rotina de quem utiliza o SUS.

Regras de atendimento

Quando a UPA 24 horas entrar em funcionamento, os pacientes serão classificados por cores que indicarão o seu grau de risco. “As equipes médicas e técnicas passarão por um treinamento. Teremos uma mudança de paradigma enorme. Logo na chegada, o paciente será atendido por uma enfermeira. Haverá uma triagem e isso faz toda a diferença”, comenta Émerson Leite.

Alto custo mensal

A secretaria de Saúde de Sapiranga projeta um custo mensal de manutenção da UPA 24 horas superior a R$ 800 mil. “A partir do momento que a UPA entrar em funcionamento ela não poderá mais fechar. Estamos prevendo receber o dinheiro do custeio da UPA somente em 2016. Até lá, bancaremos com recursos próprios o funcionamento”, destaca Émerson.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse