Dia a dia

Prefeitura de Sapiranga inicia processo de informatização das Unidades de Saúde

SENAC Novo Hamburgo

SENAC Novo Hamburgo

  •   
  •  

Sapiranga – Um grande avanço na área da saúde do Município está sendo a implantação de um sistema de informatização nas redes de saúde da cidade. Com a novidade, médicos e enfermeiros terão acesso aos prontuários médicos e exames solicitados e realizados, o que irá interligar informações e facilitar o atendimento ao paciente.


O processo de informatização iniciou pela Farmácia Municipal e pela Estratégia Saúde da Família (ESF) João Goulart. As Estratégias de Saúde da Família já atendiam com sistema E-SUS, do Ministério da Saúde, e por este motivo já estão aptas para implantação. Já algumas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) como do Amaral Ribeiro, Centenário, Vila Irma e Unidade de Saúde Especializada (USE) necessitam que a rede lógica e elétrica sejam feitas, o que já está acontecendo. As demais unidades serão informatizadas conforme cronograma firmado com empresa. O investimento total é de R$176.300,00, provenientes de recurso próprio do município.

Guilherme Pilger

A informatização da saúde já vem sendo planejada há bastante tempo em Sapiranga. “Faz parte da nossa Administração melhorar e modernizar nossos serviços. Com a informatização dos prontuários médicos e exames, conseguiremos economizar tempo e custos também. Nosso investimento em saúde é alto, investimos o dobro do que é previsto na Constituição. Hoje destinamos cerca de 30% do nosso orçamento para a saúde, quando nossa obrigação federal é de 15%”, pontua a prefeita, Corinha Molling.

A informatização trará também mais precisão sobre o diagnóstico do paciente, pois o médico saberá com quais profissionais o paciente consultou e quais exames e tratamentos foi submetido, o que resultará em agilidade e economia aos cofres públicos. “A realidade de hoje é que os usuários consultam em diversas unidades e os exames muitas vezes são solicitados repetidamente em virtude do profissional médico não ter o prontuário do paciente. Assim acontece com exames de imagem como Raio X e ecografia. Com a informatização será diferente, pois o médico saberá quais exames o paciente já realizou”, explica Janete Hess, secretária municipal de saúde.

O processo iniciou pela Farmácia Municipal e pela ESF João Goulart. As Estratégias de Saúde da Família já atendiam com sistema E-SUS, do Ministério da Saúde, e por este motivo já estão aptas para implantação. Já algumas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) como do Amaral Ribeiro, Centenário, Vila Irma e Unidade de Saúde Especializada (USE) necessitam que a rede lógica e elétrica sejam feitas, o que já está acontecendo. As demais unidades serão informatizadas conforme cronograma firmado com empresa.

Processo de informatização
Todo este processo de informatização está sendo possível graças ao trabalho do Departamento de TI (Tecnologia da Informação) da Prefeitura, que participa ativamente de todos os passos necessários para viabilizar a informatização. O diretor do Departamento, Everaldo Alves Mariano, destaca os trabalhos realizados pelo setor. “Nós acompanhamos todas as fases. Realizamos a adequação da rede interna preparando as UBSs para receberem os computadores, o projeto de instalação e configuração da rede metropolitana de dados para conectar as unidades entre si e internet e também fizemos o memorial descritivo e acompanhamento do processo licitatório para contratação de empresa para implantação de Software de Gestão de toda a Secretaria Municipal de Saúde”, explicou.

Texto e foto: Departamento de Comunicação / Prefeitura de Sapiranga

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  • 126
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse