Jed_Comunicação Anúncio Site JR_PoupeCredi_2
Jed_Comunicação Anúncio Site JR_PoupeCredi_1

Reorganização | Gestores fecham unidade após Prefeitura contratar novo laboratório para reduzir custos

Campo Bom – A contestação por parte da Prefeitura sobre aos serviços prestados pelo Hospital Dr. Lauro Reus e os valores cobrados por estes serviços pelo Hospital de Caridade São Roque (administradores do Hospital Lauro Reus) ganharam mais um capítulo. Foi encerrado no fim de julho o recebimento de exames clínicos junto ao antigo posto de coleta que operava na Avenida Presidente Vargas. No mês de junho, na Câmara de Vereadores, os administradores do Lauro Reus sinalizaram que se a Prefeitura não normalizasse os pagamentos do contrato original e também não pagasse o aluguel onde funcionava o posto de coleta, não restaria outra medida e o posto seria fechado – o que acabou se confirmando.

A Prefeitura argumenta que fez uma licitação e conseguiu reduzir os preços para a realização do mesmo serviço.

Demora e custo alto

Entre os motivos que levaram a Prefeitura a contratar um novo serviço laboratorial de análises clínicas estão o alto custo estabelecido na gestão passada entre a Prefeitura e os gestores do Lauro Reus e a demora na entrega dos resultados dos exames. A Administração argumenta que economiza R$ 80 mil mensais depois que contratou via licitação o Laboratório Bhio Analisys (Avenida São Leopoldo, nº 365, sala 3). Com o novo contrato estabelecido pela Prefeitura, agora, o município paga R$ 4,11 por um hemograma contra R$ 13,20 do antigo contrato. Pelo exame de urina, a Prefeitura pagava R$ 13,20, e agora, o mesmo exame custa R$ 3,70.

Atendimentos centralizados no hospital

A assessoria de imprensa do Hospital Dr. Lauro Reus informou que desde 31 de julho, os atendimentos realizados no Posto de Coletas passaram a ser feitos nas dependências do próprio Hospital. O agendamento dos exames e a entrega dos resultados ocorrem de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, na recepção central do HLR. O fechamento ocorreu em virtude da redução dos atendimentos ambulatoriais que são oriundos dos Postos de Saúde. Essa redução, que chega a ser de 90%, resultou no fechamento de sete vagas de trabalho. Conforme a gestora do Laboratório do Hospital, a Biomédica Nathália Bauer Armbrust, essa alteração de local não acarretará prejuízo à comunidade. “Somente houve a alteração do local de atendimento. Não há mais demanda, assim se torna inviável manter toda aquela estrutura para atender, em média, cinco pessoas por dia. Quem tiver alguma dúvida pode entrar em contato pelo telefone 3585 5070”.

anuncio-delicia-728-90
anuncio-delicia-728-90

Identificados os responsáveis por homicídio em ...

Polícia

Reboque se desprende de veículo e atinge três m...

Geral

Horário de visitação no Morro Ferrabraz passa p...

Geral
Delícia Padaria e Confeitaria
Delícia Padaria e Confeitaria

23º Bebê do Ano: Voto Popular através do site do Jornal Repercussão é nesta q...

Entretenimento

Representante dos skatistas elogia pista bowl e Sapiranga prepara para novemb...

Entretenimento

Campo Bom oferecerá palestra gratuita sobre E-C...

Geral

Motorista fica preso às ferragens após capotame...

Geral

Homem é preso após matar mulher a facadas em No...

Polícia
Delícia Padaria e Confeitaria
Delícia Padaria e Confeitaria

Feirão do Brás descumpre ordem judicial em Sapiranga e é lacrado por Prefeitura

Dia a dia

Após pedalada de 487km, sapiranguenses chegam em Itapiranga (SC)

Esporte

anuncio-delicia-728-90
anuncio-delicia-728-90