Dia a dia Posts em destaque

Colina Urbanismo lança loteamento com infraestrutura completa em Sapiranga



  •   
  •  

Sapiranga – A Colina Urbanismo, de Sapiranga, lançou na última semana o seu mais novo empreendimento. Trata-se do Bosque dos Colibris, situado no Bairro Amaral Ribeiro, em uma ampla área entre as Avenidas 20 de Setembro e Rua Major Bento Alves.

Com localização a poucos minutos do centro da cidade e de vias como a RS-239, o Bosque dos Colibris já disponibiliza para a venda em várias imobiliárias locais (algumas delas nas publicidades abaixo nesta página) 78 terrenos, com infraestrutura completa e matrículas individuais.

Guilherme Pilger

A meta da Colina Urbanismo é entregar o novo loteamento da cidade em até 18 meses. Os lotes residenciais e empresariais variam de 300m² até 1.289m², seguindo o padrão já estebelecido da urbanizadora e respeitando condicionantes legais, éticos, técnicos e ambientais.

No Bosque dos Colibris, os moradores vão poder desfrutar de um local único de pavimentação em bloco de concreto, rebaixos de meio fio, ruas identificadas, paisagismo e postes de concreto.

Os terrenos do loteamento têm preços variados, de acordo com a metragem quadrada e a localização, partindo de R$98.000,00 para lotes residenciais e R$134.500,00 para lotes empresariais. São oferecidas condições facilitadas de pagamento com financiamento direto com a Colina, em até 60 meses.

O diretor da Colina Urbanismo, Ingo Schwinn, destacou que a empresa está há 15 anos no mercado imobiliário. “Atuamos de forma honesta, transparente e séria. Estes são alguns dos diferenciais que nos tornam diferentes de muitas que estão por aí”, destaca.


Todos os lotes do Bosque dos Colibris são registrados e o projeto e as obras seguem todas as normas técnicas. “A lei está aí e existe para ser cumprida, não questionada, e vamos cumpri-la. Existem as leis municipais e o Plano Diretor de Sapiranga. Entendemos que isso é importante e se torna um aspecto de segurança jurídica para quem compra e vende”, valoriza Ingo.

Colibris é o 16º loteamento da Colina Urbanismo

O arquiteto ainda ressaltou a importância de seguir e valorizar as exigências ambientais. “São aspectos rigorosos e extremamente crítico em um projeto. É necessário entender que a legislação ambiental conduz o preponente para um crime ambiental, que desencadeia em uma multa e depois prisão. Nos nossos loteamentos primamos pelo verde e pelas flores, pois é necessário oferecermos espaços arborizados do que locais secos e quentes”, projeta o empresário.

Outro detalhe ressaltado pelo diretor da Colina Urbanismo é a necessidade de respeitar o mercado e não enganar ninguém. “O Bosque dos Colibris possui vista para o Ferrabraz, fácil de chegar e pertencia a família Schaeffer. O loteamento será todo com blocos de concreto (PAVs), postes de concreto, arborização e acessibilidade. Estamos projetando em 18 meses para concluir a obra, mas esperamos finalizar antes”, estima Ingo.

Algumas das imobiliárias locais que já estão vendendo o Bosque dos Colibris são: Amplo, Baierle, Da Casa, Guilherme Pilger Corretor, Matzenbacher e Raiz.

Colina: mais de 1.000 lotes vendidos

Desde 2003, a Colina Urbanismo já entregou mais de 1.000 lotes em várias cidades do Rio Grande do Sul, como a própria Sapiranga (Lot. Residencial Mauá e Bosque dos Ipês), Campo Bom (Residencial Blumenburg e Platános Lotes Comerciais e Residenciais), Novo Hamburgo (Lotes empresariais Gutenberg), Nova Petrópolis (Monte Bello Residencial), Carazinho (Lot. Campo Bello), Cruz Alta (Lot. Bella Vista), São Lourenço do Sul (Lot. Campos Verdes), Dom Pedrito (Lot. Parque das Cerejeiras), São Sebastião do Caí (Lot. Campo dos Lírios), Panambi (Lot. Altos da Colina), Candelária (Lot. Vale Germânia) e Cachoeira do Sul (Lot. Encosta Verde). No Mato Grosso do Sul, em Dourados, a Colina fez o Loteamento Trevo da Bandeira.

Criação de Sites Porto Alegre

  •   
  •  
  • 474
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Talvez você se interesse